Palmeiras domina o Corinthians, vence em Itaquera e vai à final do Paulistão

Depois de quase eliminado na fase de grupos, o Palmeiras se classificou neste domingo para a final do Campeonato Paulista. Com seu time titular em campo, o Verdão teve uma atuação bastante sólida para vencer o arquirrival Corinthians por 2 a 0, na Neo Química Arena, e continuar na briga pelo bicampeonato. Victor Luis e Luiz Adriano marcaram. E poderia ter sido muito mais. O próprio Victor Luis e Raphael Veiga ainda carimbaram a trave. Luan perdeu um pênalti no fim para o Timão.

O Palmeiras espera pelo vencedor do confronto entre São Paulo e Mirassol, neste domingo, às 20h30, no Morumbi. As finais do Paulistão estão marcadas por enquanto para os dias 19 e 23 de maio, mas as datas podem ser alteradas para 23 e 30 do mesmo mês. A FPF deve anunciar na segunda-feira.

O resultado faz o Palmeiras aumentar ainda mais a invencibilidade fora de casa. O Verdão não perde como visitante há 13 partidas (uma pela temporada 2020 e 12 pela 2021). São oito vitórias seguidas. A última derrota foi em 25 de fevereiro, para o Atlético-MG por 2 a 0, pela última rodada do Brasileirão.

A derrota aumenta ainda mais a pressão sobre o técnico Vagner Mancini no Corinthians. O Timão foi eliminado na Copa Sul-Americana sendo goleado por 4 a 0 pelo Peñarol na semana passada e agora dá adeus ao Paulistão. Até o momento, a diretoria diz que não cogita demitir o treinador, mas a cobrança da torcida deve aumentar com a queda para o maior rival no estadual.

O Corinthians até tentou pressionar o Palmeiras, mas a maior qualidade técnica do Verdão foi determinante no primeiro tempo. A equipe de Abel Ferreira soube explorar muito bem os espaços dados com a tentativa do Timão de ser mais ofensivo. O perigoso chute de Luan, à direita de Weverton, foi o melhor que os corintianos conseguiram. Aos 11, após jogada rápida pela direita, Rony finalizou rasteiro na área, Cássio deu rebote, e Victor Luis só completou para abrir o placar. Os palmeirenses ainda poderiam ter aumentado, de novo com Victor Luis. Luiz Adriano deu ótimo passe para o lateral bater forte e carimbar a trave. Aos 48, a auxiliar Neuza Inês Back anulou o segundo gol do Palmeiras por impedimento de Luiz Adriano em rebote de chute na trave de Raphael Veiga.

Mancini colocou Mosquito e Mateus Vital no segundo tempo, mas as trocas não surtiram muito efeito. Logo no primeiro minuto, Rony teve boa chance ao bater para fora. O Timão em nenhum momento demonstrou força para sequer assustar o rival. O Palmeiras continuou bem posicionado atrás e muito perigoso nas saídas rápidas. Aos 30, o lance decisivo. Luiz Adriano tabelou com Rony e bateu no canto direito sem chances de defesa para Cássio. O Corinthians ainda tentou. Mosquito, aos 40, foi derrubado na área por Danilo. Luan bateu o pênalti e acertou o travessão. No fim, após uma confusão na lateral, João Victor e Zé Rafael foram expulsos.

No retrospecto geral do clássico, o Palmeiras abre vantagem nas contas dos dois clubes. Nos cálculos do Verdão, são 378 jogos, 134 vitórias, 115 empates e 130 derrotas. O Timão contabiliza 369 partidas, sendo 128 vitórias, 111 empates e 130 derrotas.

Fonte: GE

Postado em 16 de maio de 2021