Brasil vira o jogo e bate a Argentina no vôlei masculino

Foto: CARLOS GARCIA RAWLINS/REUTERS

Em uma partida emocionante, a seleção masculina de vôlei virou para cima da Argentina e engatou a segunda vitória consecutiva nos Jogos de Tóquio. O placar, que chegou a estar 2 sets a 0 para os rivais sul-americanos, terminou em 3 a 2 para o time de Renan dal Zotto. As parciais pela segunda rodada do torneio, realizado no Ariake Arena, na capital japonesa, foram: 19 a 25, 21 a 25, 25 a 16, 25 a 21 e 16 a 14.

Atual campeã olímpica nos Jogos do Rio 2016, o Brasil já saiu atrás no primeiro set e, sem esboçar qualquer reação que pudesse incomodar os rivais sul-americanos, foi derrotada com facilidade por 19 a 25.

O cenário desfavorável se manteve na segunda etapa. Nem com a entrada da sensação brasileira em Tóquio e nas redes sociais, Douglas Souza, no lugar do (até então) instável Leal foi suficiente para o Brasil se levantar: 21 a 25.

No terceiro set, finalmente veio a reação. Os brasileiros sustentaram a boa vantagem construída no início da etapa durante todo o período. Leal ganhou nova chance e renasceu na partida, sendo responsável pelos principais pontos da equipe na etapa: 25 a 16.

Na início do quarto set, os argentinos começaram melhor, enquanto o Brasil abusava dos erros de saque. Os rivais chegaram a abrir seis pontos de diferença, mas a atual campeã olímpica virou o jogo no 19º ponto e ali permaneceu até confirmar a vitória por 25 a 21.

O tie-break foi igualmente emocionante, com as equipes se alternando à frente do placar. Até que em um erro argentino, o Brasil fechou o set derradeiro por 16 x 14 em uma partida que deverá ficar marcada na história dos Jogos Olímpicos.

Fonte: R7

Postado em 26 de julho de 2021